EP 187 “Eu sei que foste tu que mataste o meu filho Omar”

Em «Prisioneira», Fátima (Rita Ribeiro) confronta Jamal com a verdade sobre o assassinato de Omar (Carloto Cotta). A muçulmana mostra-se descontrolada e, em lágrimas, exige ao neto que confesse o crime que cometeu. Avó e neto discutem de forma acesa e Fátima defende Samira (Vera Kolodzig).

Sex, 10 jan 2020 22:35 TVI

Neste episódio

Fredy (Lourenço Ortigão) diz a Leandro que Renata apareceu e que esteve com Tomé (Tiago Teotónio Pereira).

Leonor (Sara Prata) não quer acreditar que Tomé chegou ao ponto de sugar dinheiro a Renata (Filipa Pinto) e chora revoltada.

Fredy tenta que Renata perceba que Tomé a manipulou, mas esta está tão convencida da versão que este lhe contou, que se irrita com o amigo.

Murilo (Cassiano Carneiro) diz que já verificou os extratos bancários e Mário (Vítor Hugo) justifica a atitude do filho por ele o ter tramado.

Fátima (Rita Ribeiro) tenta convencer Jamal (Miguel Amorim) a não ir a Lisboa, mas este vinca que tem de provar que foi a mãe dele que matou Omar e não Monique (Benedita Pereira). Fátima tenta chama-lo à razão, dizendo que Bashir (Diogo Mesquita) não estava bem da cabeça nos últimos tempos, quando recebe a chamada de Samira (Vera Kolodzig) que lhe diz que chega no dia seguinte.

Chaves (Carlos Oliveira) pergunta a Lídia (Joana Seixas) se sabe do paradeiro de Monique, ela nega e conta-lhe o episódio desta ter ido lá a casa procurar algo nos pertences de Teresa (Joana Ribeiro) para uma homenagem.

Tomé fica passado com Leonor por esta ter ido falar com ele sobre Renata e, antes dela sair, insinua que ela e Mário deviam dormir juntos, para resolverem o que ficou pendente.

Glória (Kelly Bailey) conta que Samuel (Nuno Gil) ofereceu a casa para os festejos do casamento, Fredy não concorda e diz que pode ser uma festa simples no hostel.

Vítor (Diogo Infante) é abordado por Monique, que está disfarçada, e ela pede-lhe para não a denunciar até ele ouvir o que tem para contar. Monique diz que não entende porque está a ser acusada de novo, e conta a Vítor que estava a trabalhar para uma agência russa e que Teresa descobriu, e que guardou as provas no cofre.

Graça (Sandra Faleiro) desabafa com Lídia que Eduardo (Pedro Hossi) foi a maior desilusão da vida dela, e que se aproveitou da sua fragilidade, e que no entanto não percebe porque é que ele escondeu que conhecia Samira, uma vez que foram viajar juntos.

Dário (André Nunes) conta a conversa que ouviu a Chaves e conclui que Eduardo e Samira vão juntos a Al-Aradhi.

Vítor continua a desconfiar de Monique, mas ela mostra-lhe a pen com ficheiros de Samira e desafia Vítor a ligar para a polícia a denunciá-la ou ajudá-la a procurar os verdadeiros assassinos de Teresa.

Tomé avisa Renata que não quer problemas com Murilo por ela estar ali em casa, e acrescenta que o pai dela está a fingir estar doente para poder manipular Telma.


Sobre «Prisioneira»

Um médico muçulmano, revolucionário mas não fundamentalista, luta por um mundo mais justo e menos fraturado.

Apaixona-se loucamente por uma portuguesa e resgata-a de uma vida pouco fértil de amor.

No entanto, este resgate torna-se num cativeiro que ninguém previra e num combate desigual pela guarda de uma criança.

A intriga, que decorre entre Lisboa e um país do Magrebe, é protagonizada por um amor entre crenças e tradições diferentes, para sempre afetado por um atentado terrorista.

Ficha Técnica

Título Original: “Eu sei que foste tu que mataste o meu filho Omar”
Categoria: Novela nacional
Favoritos

Partilhar

Últimos Episódios

Recomendados

Populares