EP 107 Descobertos o pai e a mãe de Ana

Episódio 107.

Sex, 24 jul 2020 21:45 TVI

Neste episódio

Mateus, impaciente, liga ao médico onde Catarina (Maria José Pascoal) fez os testes de ADN, avisa que ela perdeu os exames e que está demasiado doente para se deslocar ao laboratório, pedindo para lhe enviarem os mesmos por e-mail.

Vitória (Sara Barradas) , ao telemóvel com Maria (Mafalda Marafusta), fica a saber da confissão de Mateus e que a filha tem namorado. Vitória avisa-a para ter cuidado nos conselhos que dá à filha e diz que a GNR a encontrou.

Carlos confronta Maria, diz que quer saber o que aconteceu a Vitória. Maria diz-lhe que está com a mãe. Carlos não acredita.

Cartaxana acha que está na hora de definirem se estão juntos ou não. Catarina responde-lhe que ele foi das melhores coisas que lhe aconteceu e beijam-se com paixão.

Maria vai aos vasos de Elvira (Ana Bustorff), e percebe que Luísa foi violada. Maria vai ter com a irmã e conta que está tudo descontrolado porque tentaram matar Carlos na prisão e Luísa foi violada no dia do incêndio da destilaria. Vitória, em choque, percebe que foi Mateus.

Vitória (Sara Barradas) mostra-se preocupada com Luísa e diz a Maria (Mafalda Marafusta) que vai convencê-la a denunciar Mateus (Pedro Sousa), porque só assim é que vão conseguir pará-lo.

Mateus recebe um e-mail da clínica, fica a saber que Vitória é mãe de Ana (Madalena Aragão), e fica perplexo ao ver quem é o pai.

João (Isaac Alfaiate) quer saber como corre o namoro de Ana e ela mostra-lhe selfies com Daniel.

Lucas (Filipe Vargas) pede desculpa por ter acusado Carlos (João Vicente) injustamente, diz-lhe que falou com a mãe sobre a herança e que ele vai ter voto nas reuniões da família. João chega e Lucas revela que está farto de ser desrespeitado, e que vai uns tempos para fora. João e Carlos apoiam-no.

Lucas vai a casa de Lúcia (Leonor Alcácer) e ela não lhe abre a porta.

Rita (Maya Booth) inventa que está com uma amiga, encontra-se com Álvaro (Fredy Costa) e ele sublinha que ela ainda pode ser feliz.

Vitória conta a Maria que pediu a Lúcia para não abrir a porta a Lucas, e pede-lhe para resolver os problemas da herança com a mãe.

Carlos conta à mãe que agora é o capataz da Herdade e Joana afirma que, assim sendo, vão manter-se ali e que vai regressar ao trabalho para não pensar em Alfredo (Luís Esparteiro).

Alfredo chega desanimado ao café por não ter arranjado emprego. Patrícia (Leonor Seixas) incentiva-o a concentrar-se na sua carreira artística.

Marcos (Pedro Teixeira) recorda Vitória inconsciente no incêndio, vê uma mulher semelhante a ela, para o carro e fica perturbado ao perceber que não é a enfermeira.

Os Santa Cruz reúnem-se e Lucas indica que, na sua ausência, quer que as coisas corram bem, e avisa que Carlos é o capataz. Marcos reage mal à informação e acusa Carlos de não ter instrução suficiente para tomar decisões. Lucas corta a conversa, sublinhando que a solução foi sugerido por Catarina (Maria José Pascoal).

Lucas pensa em Vitória, faz uma chamada à GNR para saber novidades. Os guardas avisam a queixa foi retirada.

Carla (Ana Sofia Martins) mostra vestidos de noiva a Isabela (Inês Herédia). A irmã de Sandra (Marta Faial) avisa-a de que quando casou também era tudo perfeito e que, depois, Marcos se revelou infiel e violento. Isabela lembra-se da conversa com Carlos.


Sobre «Quer o Destino»

QUER O DESTINO é a história de amor e de vingança de uma mulher que, já adulta, regressa ao local onde foi violada e onde virá a ser surpreendida com a sua capacidade de superação e, também, com algumas das mais vis expressões de maldade humana.

A vida de Vitória, uma jovem ribatejana apaixonada por animais e pela arte da falcoaria, dá uma volta de 180 graus no dia em que é violada e assiste ao homicídio do pai. Com receio de ser também morta, e com o desejo de esquecer tudo o que tinha passado, Vitória foge para Lisboa, com a firme decisão de nunca mais pisar a sua terra natal. Como a vida dá muitas voltas, 14 anos depois, Vitória regressa à casa de família dos seus violadores. É enfermeira e fisioterapeuta da mãe desses homens, Catarina, que sofreu um AVC e está em recuperação. Apesar da dureza de carácter, Catarina, a matriarca da família Santa Cruz, deixa-se prender pela simpatia e pela dedicação de Vitória. Fará tudo por ela até ao momento em que percebe que a sua vida pode pôr em risco a vida dos próprios filhos.

 

Carlos, o capataz da Herdade do Cruzeiro, herdade dos Santa Cruz, namorado de adolescência de Vitória, reconhece-a de imediato, apesar da sua profunda alteração física e psicológica. Depois de saber o que aconteceu 14 anos antes, Carlos põe-se à sua disposição para a descoberta de toda a verdade, com uma única condição: não quer participar em vinganças. No entanto, no decurso da novela, Vitória será constantemente surpreendida com o que é capaz de fazer para vingar a morte do pai e pela forma como uma paixão recente, mas intensa, lhe permite retomar o curso normal da sua vida, de certa forma em suspenso desde a violação.

Esta protagonista, fruto do seu passado, fará muitas coisas criticáveis mas, em boa verdade, será impossível não simpatizar com ela. Apesar do seu percurso sinuoso, consegue vencer os seus medos e os seus inimigos.

Ficha Técnica

Título Original: Descobertos o pai e a mãe de Ana
Categoria: Novela nacional
Formato: Outro
Favoritos

Partilhar

Últimos Episódios

Recomendados

Populares