Amor Cura: pode o diagnóstico de cancro reatar uma amizade?

Qui, 3 fev 2022

Continuamos a contar na primeira pessoa a história de Irina, uma mulher a quem foi diagnosticado um cancro incurável, mas que tem resistido com uma enorme vontade de viver. No quarto episódio, uma amizade de Irina que esteve interrompida por mais de 15 anos, mas que acabou por ser reavivada com o diagnóstico de cancro.
 

Há histórias que se distinguem de todas as outras. Pelos contornos que a vida vai desenhando e que são marcados pelas adversidades, assim como pelas conquistas. A história de Irina Fernandes é uma dessas histórias. No dia 11 de março de 2020, ao mesmo tempo que a OMS declarava o novo coronavírus como pandemia, Irina recebeu o diagnóstico que viria a mudar o rumo da sua vida: cancro da mama com metástase no pulmão, para a medicina incurável.

Uma realidade comum a milhares de portuguesas, mas o que faz desta história, uma história diferente? A resposta é simples. A forma como Irina encara a vida. 

A mãe de Santiago (11 anos) acredita que vai vencer o cancro e que um dos segredos para tal conquista é o amor. 
Mas neste caminho, a mulher de 38 anos faz escolhas pouco convencionais que podem dividir opiniões e levantar as mais profundas discussões. Irina abandonou os tratamentos da medicina convencional, na esperança de contrariar o destino que a medicina lhe traçou. O que terão os médicos a dizer sobre isso? E os sonhos? Que sonhos tem Irina por concretizar?
 
Questões que são respondidas na série de reportagens ‘Amor Cura’. Uma série de reportagens de Diogo Assunção, com imagem de Ricardo Ferreira, edição de imagem de João Ferreira, produção de Ana Gouveia e grafismo de Victor Magano.

Favoritos

Partilhar

Relacionados

Últimos Episódios

Populares