Ambiente suspende avaliação da obra que vai acabar com a última fronteira fechada da União Europeia

Sex, 6 out 2023

A última fronteira fechada (e privada) da União Europeia existe há décadas e fica entre Nisa, no Alentejo, e Cedillo, na Estremadura espanhola. Curiosamente, nasceu a seguir ao acordo que acabou com os controlos fronteiriços.

A fronteira é aberta apenas ao fim-de-semana por um funcionário de um município espanhol que tem de garantir que todos cumprem as regras de passagem, apenas atravessando de carro, mota ou bicicleta, sem parar em cima da barragem que serve de fronteira.

O projeto para construir uma ponte ao lado está em marcha e custa 9 milhões de euros em fundos europeus destinados a Portugal, mas a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) suspendeu o processo de avaliação ambiental por falta de elementos considerados indispensáveis.    

O dinheiro tem de ser investido dentro dos prazos definidos por Bruxelas para gastar os apoios do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), sob pena de se perder o investimento.

Sandra Felgueiras traz os temas mais polémicos, trabalhados por uma equipa de elite inteiramente dedicada a encontrar a verdade e os factos.

 

Faça a sua denúncia através dos contactos: exclusivo@tvi.pt | 910 486 564

Favoritos

Partilhar

MAIS VISTOS

NÃO PERCA