EP 132 Isabela «veste-se de Catarina» para seduzir Mateus

Episódio 132.

Sex, 28 ago 2020 21:45 TVI

Neste episódio

Isabela diz ao inspetor que seria impossível continuar a amar Mateus, depois do que ele fez. Machado pergunta se foi ela a fazer o chá de Catarina no dia da sua morte.

Ana joga no telemóvel quando recebe uma mensagem anónima a avisar que tem um presente na box de Harry. Ana entra e, ao ouvir a conversa, diz a Machado que Catarina preparou o seu chá e que foi o único momento que viu a avó naquele dia.

Maria acha que Isabela não é assim tão inocente. Isabela avisa-a para não se meter com ela.

Sandra conta a Joana que denunciou Marcos. Machado chega e pergunta a Joana se cozinhou bolos no dia da morte de Catarina. A mãe de Hugo (Rodrigo Paganelli) nega e diz que não estava em casa quando tudo aconteceu.

Machado quer saber onde estava. Joana hesita em dizer onde estava, mas acaba por admitir que estava com Ornelas. Machado vai procurá-lo para confirmar a história.

Ana aproxima-se da box de Harry, vê o ramo e olha em volta para tentar perceber quem o poderá ter deixado ali.

Mateus abre a porta a Isabela. Determinada, ela empurra-o para o interior da casa. Isabela e Mateus entram aos beijos. Isabela fica apenas em lingerie e começa a vestir um vestido de Catarina.

Ornelas, nervoso, não se recorda onde estava quando Catarina morreu. Joana interfere contando que estavam a fazer uma massagem, e Machado repreende-a.

Isabela exibe o vestido de Catarina e beija Mateus. Nervoso, ele avisa que o vestido só lhe faz pensar na mãe morta. Isabela, desiludida, tira o vestido e fica em lingerie.

Ornelas mostra-se nervoso por ter mentido à polícia, e pergunta a Joana se foi ela quem matou Catarina. Ela nega e agradece por ter compactuado com a mentira dela.

Desolada, Isabela (Inês Herédia) pede a Mateus (Pedro Sousa) para deixá-la sozinha. Ele sente-se penalizado.

Fonseca vê nos relatórios que o veneno encontrado em Catarina (Maria José Paschoal) é proibido em Portugal, e sai para investigar nas drogarias locais.

Patrícia faz uma massagem a Alfredo (Luís Esparteiro) e diz-lhe que ele não esteve bem em pegar-se com o namorado da ex-mulher. Alfredo responde-lhe que é um homem de outros tempos e que por isso não consegue divorciar-se, nem ver Joana (Marina Mota) com outro homem.

Vitória (Sara Barradas) visita Ana (Madalena Aragão). A jovem conta-lhe que lhe deixaram flores na box de Harry e que não foi Daniel.

Marcos (Pedro Teixeira) sente-se de parte por não ter sabido do regresso de João (Isaac Alfaiate) e lembra Mateus (Pedro Sousa) de que ele está em fuga.

Lucas está sentado ao lado de João, que desesperado pede para consumir só uma vez, mas Lucas não autoriza.

Vitória sai do quarto de Ana, ouve vozes vindas do quarto de João e aproxima-se.

Desesperado, João pede álcool ou tabaco, deixando Lucas nervoso. Madalena aproxima-se de Vitória, dizendo que vai levar um ansiolítico para João. Vitória diz-lhe que se sente preparada para entrar, mas Madalena não concorda e entra ela.

João aproveita a distração de Lucas e tenta sair, mas Vitória tranca a porta com Elvira (Ana Bustorff) do seu lado. Madalena dá um comprimido a João que o toma rapidamente e pede a Lucas para ir descansar.


Sobre «Quer o Destino»

QUER O DESTINO é a história de amor e de vingança de uma mulher que, já adulta, regressa ao local onde foi violada e onde virá a ser surpreendida com a sua capacidade de superação e, também, com algumas das mais vis expressões de maldade humana.

A vida de Vitória, uma jovem ribatejana apaixonada por animais e pela arte da falcoaria, dá uma volta de 180 graus no dia em que é violada e assiste ao homicídio do pai. Com receio de ser também morta, e com o desejo de esquecer tudo o que tinha passado, Vitória foge para Lisboa, com a firme decisão de nunca mais pisar a sua terra natal. Como a vida dá muitas voltas, 14 anos depois, Vitória regressa à casa de família dos seus violadores. É enfermeira e fisioterapeuta da mãe desses homens, Catarina, que sofreu um AVC e está em recuperação. Apesar da dureza de carácter, Catarina, a matriarca da família Santa Cruz, deixa-se prender pela simpatia e pela dedicação de Vitória. Fará tudo por ela até ao momento em que percebe que a sua vida pode pôr em risco a vida dos próprios filhos.

 

Carlos, o capataz da Herdade do Cruzeiro, herdade dos Santa Cruz, namorado de adolescência de Vitória, reconhece-a de imediato, apesar da sua profunda alteração física e psicológica. Depois de saber o que aconteceu 14 anos antes, Carlos põe-se à sua disposição para a descoberta de toda a verdade, com uma única condição: não quer participar em vinganças. No entanto, no decurso da novela, Vitória será constantemente surpreendida com o que é capaz de fazer para vingar a morte do pai e pela forma como uma paixão recente, mas intensa, lhe permite retomar o curso normal da sua vida, de certa forma em suspenso desde a violação.

Esta protagonista, fruto do seu passado, fará muitas coisas criticáveis mas, em boa verdade, será impossível não simpatizar com ela. Apesar do seu percurso sinuoso, consegue vencer os seus medos e os seus inimigos.

Ficha Técnica

Título Original: Isabela «veste-se de Catarina» para seduzir Mateus
Categoria: Novela nacional
Formato: Outro
Favoritos

Partilhar

Últimos Episódios

Recomendados

Populares