EP 80 «Nesta Rua existe alguém jurado de morte»

Episódio 80.

Ter, 9 ago 2022 18:35 TVI

Neste episódio

Tília tenta suavizar as coisas com Arnaldo, que faz questão de esclarecer que ainda não a perdoou. Continua zangado, mas precisava desanuviar porque a reunião de ontem o deixou nervoso.

Flora e Angélica não acreditam no que diz o panfleto: “Nesta Rua existe alguém jurado de morte”.  Cada uma dela lê o panfleto e concluem que é mesmo verdade. 

Fernando cheio de pena de Tavares pois calcula que ele esteja, à falta de palavras, com o rabinho apertado. Mostra-lhe o flyer com o Segredo 5 e acha que pode ter que ver com ele.~

Íris muito nervosa, pede a Constantino que lhe diga que aquele segredo não é sobre eles. Tavares não entende porque é que alguém o iria querer matar, já que é adorado por todos ali na rua. Fernando acha que ele está em negação e explica que ele chateou muita gente, ao querer vender as lojas.

Íris acha que acontecer algo a Pedrosa não seria nada bom para eles, porque acabaria com o plano de lhe sacarem dinheiro e favores.

Fernando pede a Tavares que desista da ideia disparatada de vender lojas, porque se preocupa com ele e acha que não vai trazer nada de bom. Ele recusa pensar que aquilo é sobre ele e rasga o panfleto.

No cabeleireiro, Frésia conta a Violeta que percebeu que Tavares afinal é um tarado e que a viu tirar uns objetos de uma caixa.

 Futre quer organizar jogo para dar aos seus alunos um treino a sério. Jasmim e André empolgados, mas Futre afirma que Magnólia é a única garantida. Jasmim fica picado por ter não querer mulheres no balneário.

 Estrelícia entra em pânico pois precisa de falar com Eduardo. Ele não quer ouvir falar de problemas, que ainda tem cabeça em água da visita de Tília. Liz afirma que ele vai morrer e que é desta que não tem escapatória.  Eduardo quer saber como é que Estrelícia sabe que ele tem cabeça a prémio. Ela mostra-lhe o panfleto e ambos ficam preocupado.

No hostel, Constantino lembra-se que talvez possa mesmo ser Pedrosa quem tem a cabeça a prémio. Íris começa a ponderar a hipótese e a ficar preocupada.  Fernando insiste que Tavares não devia estar tão descontraído, mas ele não quer levar a sério os panfletos. Fernando lembra que segredos vêm do caderno de Tília e Tavares responde que o nome dele não estaria no caderno dela.


Sobre «Rua das Flores»

Tília não impinge o seu trabalho a ninguém, no entanto, todos naquela rua a procuram, embora ninguém o admita. Por vergonha, mas também por ninguém querer acreditar verdadeiramente nas profecias de Tília... que, em boa verdade, acabam sempre por se concretizar. E é justamente no concretizar de uma dessas profecias que começa a nossa história.

Todavia, a Rua das Flores é muito mais que dona Tília. É uma rua também invulgar, por numa das pontas estar a ser construído um prédio, que fará daquela rua uma rua sem saída. E se aquela população já tinha guerras de sobra por cada um dos lados da rua pertencer a freguesias diferentes, agora terão um conflito ainda maior: é que a rua vai passar a ser um beco, derivado a uma construção em que ninguém conhece o dono.

Na Rua das Flores não há dia em que as confusões não sejam mais do que muitas, o que vai piorar quando descobrirem que desapareceu o caderno onde Tília apontava todas as suas previsões. Ou seja, está lançado o pânico da Rua das Flores! É que se o caderno desapareceu, alguém o tem. E esse alguém passará a saber tudo sobre toda a gente. E não existe por ali, quem não tenha segredos a esconder... segredos esses que vão começar a ser espalhados pela Rua, sem revelar de quem são. E todos os habitantes passam a desconfiar uns dos outros.

 

Ficha Técnica

Título Original: «Nesta Rua existe alguém jurado de morte»
Categoria: Novela nacional
Formato: Comédia
Favoritos

Partilhar

Últimos Episódios

Populares